Quilta & Borda

Não Percam!

Duas pessoas de quem eu gosto muito estarão em São Paulo no mês de março ministrando cursos:

Sávia Dumont fará uma oficina vivencial de bordados nos dias 15 e 16 de março  16,17 e 18 de abril, ainda sem local definido. O valor é R$150,00 por pessoa, com tecidos e linhas para cada participante. Para maiores informações, escreva para ela: savia.dumont@terra.com.br .
Eu já fiz e contei aqui.

Dóris Teixeira estará na Paulinia, na semana de 10 de março com vários cursos de patchwork.
Mais informações na Paulinia:  
Rua Júlio Conceição 583 – Bom Retiro / São Paulo / SP 
Tel (11) 3225 3000 / Fax (11) 3362 8347
http://www.paulinia-import.com.br/

Eu receberei as informaçoes e contarei aqui também.

22/02/2008 Posted by | Amigas, Eventos | , , , , , | 1 Comentário

A minha máquina de costura

maquinaw.jpg
Essa é a minha queridinha.
Já me perguntaram várias vezes qual máquina eu uso, qual eu acho boa, o que acho dessa ou daquela.
Eu tinha uma Singer Facilita na qual aprendi a costurar nos meus vinte anos. Quando comecei a aprender patchwork, em 2001, comprei outra Singer, a Bella, e não gostei, mas como a outra havia ficado ruim depois que costurei umas lonas, tive que me contentar com ela mesmo. Acho que por isso passei a gostar muito mais de costurar à mão.
Quando a Bernina chegou na Paulinia em 2005 e testei o quilt livre, fiquei apaixonada mas achei muito cara. Só que não resisti e acabei me dando de natal naquele ano. Está sendo um dos melhores presentes que já me dei.
Além do pé BSR – Bernina Sittch Regulator – que é um pé de quilt livre com um sensor que regula o comprimento do ponto conforme a velocidade que se move o tecido, deixando os pontos sempre do mesmo tamanho, ela tem muitas qualidades:
É resistente, costura até couro, e com pontos decorativos, não vacila quando se costura várias camadas de tecido, manta acrílica, ziper ou feltro;
Tem uma lâmpada de luz fria ao redor da área de trabalho que ilumina tudo sem esquentar;
O colocador de linha funciona;
Tem um botão de acionar o funcionamento que permite dispensar o pedal. Tem uma alavanca que permite levantar o pé com a perna deixando as mãos livres para movimentar o trabalho. Essas duas qualidades devem ser ótimas para pessoas com dificuldades físicas;
Tem um monte de pontos decorativos, sendo que adoro o de caseado, que fica perfeito;
Tem um monte de acessórios, mas confesso que muitos ainda não usei;
O enchedor de bobinas é ótimo.
Acho que não elenquei todas as qualidades pois ainda não as conheço, mas para mim essas já são suficientes para saber que gastei muito bem o meu dinheiro.
Não conheço as outras grandes marcas que chegaram no Brasil. Tenho certeza que devem ser muito boas também. Em Houston, acho que vi todas as marcas que existem no mercado internacional, mas não me detive nelas, gastei meu tempo no Stand da Bernina…
Como disse, comprei na Paulinia (clique aqui), que é representante no Brasil. Quem me ensinou a usar foi o Toledo, expert, que, pelo que sei, agora tem sua própria empresa (clique aqui) e também é representante no Brasil.

08/01/2008 Posted by | Dicas e Técnicas | | 18 Comentários

As bolsas do Natal

Ufa, acabaram as festas. FELIZ 2008!
Depois da corrida dos presentes, da comilança, da aventura de ir para a praia, do sol escaldante, do mar maravilhoso, dos fogos lindos que vi do mar, vamos começar o ano!
No semestre passado aprendi a costurar várias bolsas e fiz algumas peças pequenas de patchwork. Mas não consegui boas fotos e fiquei muito insatisfeita para publicá-las. A luz dentro de casa não estava boa, os fundos não combinavam, meu Photoshop me deixava louca. Não sei se desaprendi ou as fotos dos blogs pelo mundo ficaram melhores. Daí fui para o jardim e para a piscina nos dias de sol, comprei outro programa de edição de imagem mais palatável para a minha experiência e acho que estou melhorando. Me digam o que acham dessas fotos.

Aprendi muito com a fabriquinha de bolsas para o natal. Quando fiz a primeira na aula demorei um tempão, a segunda fiz em casa para lembrar o que tinha aprendido. Da terceira em diante do mesmo modelo foi muito fácil, rápido e divertido de costurar, apesar da invasão de tecidos pela casa como você viram.

Fiz três modelos que aprendi na Entrelaçadas:

Essas com alça curta, duas fivelas grandes, com ziper e três bolsos internos.
bolsafireworksm.jpg

bolsapeixesm.jpg

Essas sacolas grandes fiz para as que gostam de carregar muitas coisas por aí, com mosquetões nas laterais, ziper central com dois cursores e um bolso externo de cada lado com ziper. Adorei costurar essa, fiz outras que não fotografei e não sobrou nenhuma para mim.
sacolacerejeiram.jpg

sacolanauticam.jpg

Essas bolsas estilo carteiro (para usar transpassada) fiz pensando nas jovens e usei estampas bem alegres. Foram o maior sucesso! Têm divisão interna, bolso com ziper e alça regulável. Já tenho encomendas.
bolsagatosm.jpg

bolsaborboletasm.jpg

bolsapantera3.jpg

Até mais, obrigada pelas mensagens. tenho tentado responder, mas algumas tenho que pesquisar para poder passar informações corretas e vou responder no blog para que todos possam saber. Beijos.

05/01/2008 Posted by | Bolsas | , | 32 Comentários

Oficina de Natal

feliznatal1_edited-1.jpg
Olha eu aqui, gente! Não morri nem desisti do blog. Só não tenho conseguido dar conta de todas as coisas que tenho que fazer.
Nos últimos meses tenho me dedicado a aprender a fazer bolsas e declaro que estão ficando muito boas. Para quem vai perguntar, tenho aulas na Entrelaçadas, e já contei desse ateliê antes. Dê uma olhada nos posts anteriores.
Tirei essa foto para mostrar que não consegui manter meus trabalhos dentro do quarto de costura. Meus paninhos invadiram um pedaço da minha sala. Mas é por um motivo nobre: quero dar bolsas para todas as mulheres da família no Natal. E a minha família é grande e cheia de mulheres. Vou fotografar todas para mostrar. Então, vou para lá continuar meu trabalho…Bom Natal para você!

18/12/2007 Posted by | Bolsas | 9 Comentários

Festival Internacional de Quilt de Houston 2007

bannerhouston07.jpg
Já fui e já voltei. E adorei.
O festival de Houston é exatamente como  eu imaginava: imenso, organizado e maravilhoso. A exposição é de tirar o fôlego. expos.JPG

expos2.JPG

expos3.JPG

expos4.JPG
Vi todos os trabalhos premiados de perto. As fotos de todos com suas respectivas autoras estão aqui, no site oficial, mas não fazem jus a nenhum dos trabalhos.

feira.JPG
A feira tem todos os paninhos e todas as máquinas que se pode imaginar. Em muitos dos standes quem atende é a própria dona do negócio.
cimg4586.JPG
Essa comigo é a Victoria, dona da Ribbonsmyth, loja de fitas de seda e todas as outras coisinhas para crazyquilting. O tempo estava ótimo e eu tomei sol demais… depois conto e mostro mais fotos.

07/11/2007 Posted by | Eventos | 8 Comentários

Exposição Bordados

convite-virtualrrr.jpg

Vocês já sabem como eu gosto dos bordados da família Dumont – já falei deles  aqui – e dessa vez estou divulgando o evento ANTES dele acontecer, graças à minha amiga Jaci. Não percam!

24/10/2007 Posted by | Bordado/Embroidery, Eventos | 1 Comentário

Bolsa estruturada

bolsachinelinhos.jpg

Quem disse que funcionário público não trabalha? Eu não tenho feito quase nada além de trabalhar, o que quer dizer que não ando tendo muitas coisas para mostrar por aqui…mas consigo continuar a fazer umas aulinhas.
Há uns três meses estou tendo aulas de bolsas na Entrelaçadas, e apesar do meu ritmo lento tenho conseguido costurar umas bolsas bem bonitinhas. Esta é a que mais gostei até agora,  já estou desfilando com ela por aí. A minha professora é a Sandra, veterinária que nunca exerceu essa profissão e que foi minha contemporênea na USP. Ela é uma gracinha, entende muito de costura e consegue dar conta de quatro alunas sem se afobar nem perder a paciência.

Entrelaçadas
http://www.entrelacadas.com.br/
Rua Conde de Porto Alegre, 1808 – Campo Belo – São Paulo – SP – 04608-003
Fone (11)5531-2113 / 5093-4082

16/10/2007 Posted by | Bolsas | 11 Comentários

Patchwork Brasileiro na Itália

trabalhopatge.jpg

Este é o trabalho que minha amiga Patrícia Geraldes mandou para a exposição na Sala de Quiltatura de Treviso, Itália. Ela participa do Clube Brasileiro de Patchwork, que organizou e coordenou os trabalhos. Eu tenho a maior admiração por esse grupo de artistas, que tem consistência e continuidade na elaboração e execução de exposições de arte em patchwork com personalidade brasileira.
A Patrícia é a pessoa mais perfeccionista e ocupada que conheço. Não sei como ela arranja tempo para fazer (e terminar) esses trabalhos lindos – e artísticos. Parabéns, Pat!

20/09/2007 Posted by | Amigas, Eventos | 2 Comentários

Livro de patchwork aplicação

storyquiltcapa
No meu último bate-e-volta para a Liberdade comprei este livro de aplicação na Fonomag, indicação da Rute Sato. Dica: as novidades chegam todo mês por volta do dia 15.
É um livro para namorar e inspirar-se. Não tem moldes, nem passo-a-passo. Tudo feito com aplicação virada-da-agulha e dá para imaginar o tamanhinho de cada pecinha.
ISBN978-4-391-13331-8
storyquil1storyquil1storyquilt3

30/08/2007 Posted by | Biblioteca/Library | 15 Comentários

Triângulos

Fiquei muito tempo tentando mudar o blog, esse é o motivo da minha ausência pela net. Ainda não está exatamente como eu queria, mas finalmente está chegando perto. Comentei antes aqui e o assunto não me saía da cabeça. Ansiada do jeito que sou, só consegui escrever depois de solucionar o problema.
Sem contar a pane do blogger! Parece que todos os usuários do Speedy ficaram sem conseguir acessar qualquer coisa com blogspot.com no final. Hoje vi que o Blogger mudou algumas coisas na plataforma, deve ser por isso.
Águas passadas, em frente que atrás vem gente!

Bloco450
Fiquei apaixonada por este trabalho e também não susseguei até fazer um bloco. Já estou no terceiro. O trabalho da Patchwork Tsushin nº137 tem 24 blocos, vamos ver quantos eu vou conseguir fazer…
Cada bloco tem 64 triângulos com 5,5cm de base e a medida final é 22x22cm.
Uma delícia, como estou viajando muito, costuro até no carro.

13/08/2007 Posted by | Internet, Patchwork | 19 Comentários