Quilta & Borda

Férias em New York

Consegui tirar umas férias e fui passear em Nova York. Entre as muitas coisas que fiz lá , consegui achar duas lojas bacanas de patchwork.

A primeira é a Purl, que conheço faz tempo pelo site, blog e propagandas de revistas. É bonitinha, localizada num bairro moderninho, tem uns tecidos japoneses, mas nada de mais.
purlweb.jpg

A City Quilter conheci na minha pesquisa para a viagem. Vale uma visita…demorada! MUITOS tecidos, uns livros e uns acessórios. Tem também fitas e linhas para bordar. Dá para fazer a festa.
cityqquilter1web.jpg

Quem também se divertiu na City Quilter foi meu marido, que ficou estrategicamente sentado numa poltrona que tinha bem na frente um livro: “Help! I Married A Quilter”( Socorro! Casei-me com uma quilteira). Ele leu inteiro,riu muito e disse que encaixava perfeitamente. Deve ter servido de inspiração para um texto que rolou pela internet uns anos atrás…
help-i-married-a-quilter-fr.jpg

Anúncios

09/04/2008 Posted by | Passeios | , | 11 Comentários

Exposição de bordados Matizes Bordados Dumont

Aproveitei o feriado de 21 de abril para ir na exposição do grupo Matizes sobre o Santos Dumont na Caixa Cultural na Praça da Sé, aqui em São Paulo, que vai até dia 6 de maio. Os trabalhos ilustram o livro “Alberto – Sonhos e Alinhavos – a ousadia de ir além do chão”, de Sávia Dumont,o projeto é uma homenagem ao centenário do vôo Santos Dumont com o 14 Bis.
São uns 17 quadros com bordados muito criativos que utilizam diversos tipos de tecidos e fios, com pontos simples e rústicos produzindo texturas e relevos muito bonitos. Eles já passaram por várias cidades, inclusive Paris, o que pode explicar alguns desfiados e enrugados nos trabalhos.
“O grupo Matizes Dumont é formado por seis artistas da mesma família de Pirapora (MG): a mãe, Antônia Zulma Diniz Dumont, e cinco filhos, Ângela, Marilu, Martha, Sávia e Demóstenes. Para bordar as histórias, os artistas apostaram em técnicas antigas para retratar o cotidiano e os sentimentos, recriando a diversidade cromática da pintura, a partir da observação da natureza. Os bordados são baseados nos desenhos do artista Demóstenes Dumont Vargas e a partir deles as telas são criadas com linhas de cores fortes e texturas variadas. Depois de prontas, são fotografadas e viram ilustrações de livros. ” ( tirei daqui )
Vale a pena visitar e aproveitar para conhecer o museu onde a exposição está instalada: é a agência central do banco original com todos os móveis, máquinas e ambientes de época. Fui também na Catedral da Sé que está muito bonita e andei na praça que foi reformada recentemente. Foi um ótimo passeio.

25/04/2007 Posted by | Bordado/Embroidery, Eventos, Passeios | 8 Comentários

Cirque Du Soleil – Saltimbanco


Cirque Du Soleil – Saltimbanco, originally uploaded by Mulde®.

Ontem eu fui ver o circo. Que coisa mais linda! Tudo maravilhoso. Fiquei num lugar superbom, bem na frente e não dava para saber no que prestar a atenção, se o número principal ou o que os outros artistas estão fazendo em volta. Não levei minha câmera e tive que caçar fotos pela web. Essa é a que achei melhor, mas está muito escura para o meu olhar. Fiquei apaixonada pelos figurinos, as cores são vivas, muito vivas, laranja, rosa, verde, azul. Quem os criou foi Dominique Lemieux. Fiquei fã.

25/09/2006 Posted by | Passeios | 2 Comentários

Festival de Patchwork do SENAC

Hoje começou o Festival de Patchwork de São Paulo. O local mudou, saiu da Lapa para a Barra Funda. Um local maior, com mais trabalhos expostos, espaço de circulação e salas de aula melhor arranjados. As lojas ficaram cheias de gente e de produtos. É o quarto ano, mas já não fica devendo nada para Gramado. Muito provavelmente será o maior evento de patch do Brasil em pouco tempo.
Encontrei muitas amigas e tirei muitas fotos. Vou publicando com o passar dos dias porque agora tenho que dormir para acordar cedo amanhã e ajudar no curso da Cândida. Ela deve estar com dor de barriga e vai acordar muito cedo, se é que vai conseguir dormir.

12/07/2006 Posted by | Eventos, Passeios | 4 Comentários

Uns dias de folga

Fui tomar um sol e brincar com meus sobrinhos. Ficamos a semana passada no Beach Park em Fortaleza, Ceará. Uma delícia. Ficamos numa suíte à beira da piscina com a praia ao fundo. Um vento morno, bem longe desse frio aqui. Até levei uns trabalhos para bordar e costura, mas nem abri a caixa. Férias até do patch. Mas já estou de volta, me preparando para o Festival do Senac.

07/07/2006 Posted by | Passeios | 2 Comentários

Mais um feriado.

Neste feriado fui para o mar. É outra das coisas que mais gosto de fazer na vida: ficar rodeada por mar por todos os lados, sem nenhum outro barco por milhas de distância. Dessa vez pescamos e hoje almoçamos dois vermelhos deliciosos.

E como sou uma mulher portátil, levei minha caixa com a nova paixão dentro: meus redworks.
E consegui terminar mais um ratinho. Esqueci de contar que tirei o risco de uma MarieClaire Idées antiga – nº52/2004. Quero colocar dois botões bem pequenos no cinto, vamos ver se consigo achar.

23/04/2006 Posted by | Passeios | 3 Comentários

Hexágonos no chão

Achei uns hexágonos interessantes num lugar muito especial: nos corredores da Sala São Paulo. É o melhor espaço de concertos da cidade. A Estação Julio Prestes, construída em 1938, foi reformada para dar espaço para a sala de espetáculos em 2001 e esses ladrilhos são originais.

Fui assistir o Arnaldo Cohen, um pianista brasileiro muito bom que foi tocar com a OSESP ontem.

Foi maravilhoso. Pela primeira vez sentamos no coro – assentos atrás da orquestra. Dava para ler as partituras junto com os músicos e a alegria do Neshiling nesse concerto com o Coehn.
Meu blog está ficando mais artístico. É bom andar com a câmera na bolsa, sem quere, mas ela estava lá desde cedo.

02/04/2006 Posted by | Hexágonos, Passeios | 1 Comentário